Pesquisar algo

Ciência Astronômica

Ligada ao método cientifico, a Astronomia é a ciência que trata da constituição, posição relativa, movimento e dos processos físicos que ocorrem nos astros e também estuda a origem e a evolução do cosmo. Tudo começou com simples observações dos céus, das estrelas e das constelações.

Inúmeros são os nomes que podemos destacar como peças importantes para o desenvolvimento desta ciência. Dentre eles o grego Ptolomeu que compreendeu que o sol girava em torno da Terra e ela era o centro do Universo. Esta teoria ficou conhecida como Teoria Geocêntrica e perdurou do século II até a Idade Média.

A Terra no centro do Universo - Geocentrismo
Fonte: http://umavisaoterra.pbworks.com/w/page/8734359/Geocentrismo


Na falta de conhecimentos científicos melhores, essa era a teoria mais aceita na antiguidade. Ela se baseava não só em dados observacionais disponíveis, mas também em dogmas religiosos que supunham o homem como sendo o rei das criaturas existentes e, por isso, deveria ocupar o centro do Universo.

Entretanto, Nicolau Copérnico, um matemático e astrônomo polonês do século XVI começou a questionar essa teoria astronômica que era vigente. Diante das dúvidas que ele encontrou, Copérnico passou a estudar os pensadores antigos, que ousaram dar um movimento à Terra, e colocar o Sol como centro do Universo. Depois de minuciosos cálculos matemáticos, ele deduziu, por exemplo, que a Terra executa um movimento completo em torno de seu eixo. Desta maneira ele explicou o funcionamento dos dias e das noites. Durante 30 anos, Copérnico, analisando e meditando nas suas próprias observações, concluiu a sua teoria. De início, ele a apresentou como mera hipótese, já que naquela época eram comuns, as condenações por heresia. Essa teoria recebeu o nome de Teoria Heliocêntrica.


A Terra girando em torno do Sol - Heliocentrismo
Fonte: http://pt.wikipedia.org/wiki/Heliocentrismo


Um dos nomes mais conhecidos da Astronomia é o de Galileu Galilei que também é considerado o "pai da ciência moderna". Ao criticar abertamente a física aristotélica e o sistema Geocêntrico de Ptolomeu, o sábio italiano acabou recebendo sua primeira advertência formal da Inquisição, que condenava as teorias sobre o movimento da Terra e proibia o ensino do sistema Heliocêntrico de Copérnico. Galileu, não foi o inventor do telescópio, mas o aperfeiçoou de tal maneira, que obteve o mais avançado instrumento da época. Foi capaz, assim, de observar o universo de maneira nunca antes descrita por ninguém: descobriu lua em Júpiter, observou as crateras da Lua, as fases de Vênus, manchas solares, entre várias outras observações que levaram-no a postular que não é o sol que se move em torno da terra, geocentrismo, e sim a terra que move-se em torno do sol, heliocentrismo, defendendo portanto a tese de Copérnico. Dessa maneira, Galileu comprou uma briga com a igreja católica que resultou em um processo e a condenação pelo santo ofício.

Outro nome importante, é o do alemão Johannes Kepler que Apesar de suas convicções cristãs, inclina-se desde o início para as idéias de Copérnico. Suas observações levam-no a convencer-se da existência de uma força que conserva os planetas em suas órbitas ao redor do Sol que o levou a formular as suas famosas três leis. A terceira lei de Kepler levou mais tarde, outro físico a descobrir alguns princípios não entendidos anteriormente através da Lei da Gravitação Universal. Seu nome é Isaac Newton. Esta lei é o que rege o funcionamento do universo, explicando como funcionam as forças que ligam os astros. Segundo Newton “dois objetos quaisquer se atraem gravitacionalmente por meio de uma força que depende das massas desses objetos e da distância que há entre eles”.


  • A FORMAÇÃO DO UNIVERSO

Big Bang é uma teoria cosmológica que nos traz a ideia do desenvolvimento inicial do Universo. O termo sugere que toda a matéria e energia que compõe o Universo de hoje, esteve compactada em algum local muito quente e denso e que, com uma grande explosão, vem se expandindo.

Esta teoria, que é a dominante dentro da ciência astronômica pode se consolidar devido a experimentos e observações cada vez mais precisas, bem como a capacidade do homem observar partes mais longínquas do Universo. A idade deste, sugerida pelos cientistas é de aproximadamente 13 bilhões de anos.

O Big Bang
Fonte: http://biiigbang.zip.net/




Fonte do texto acima: http://professoralexeinowatzki.webnode.com.br/

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.